Um futuro não tão distante...

| |


Eu acordei numa manhã colorida,o sol brilhando forte e os pássaros cantando nas casas,porque não há mais tantas árvores disponíveis,e as tecnologias constantes nos impedem de plantarem novas.O jardim,hoje sintético,não deixa as crianças se sujarem,são facilmente substituídos,e as crianças também,os pais se cuidaram mais,as prioridades mudaram,e o trabalho ocupa várias mentes.
É meio triste,mas é fácil se mudar.É só fazer as malas e ir até a porta mais próxima de casa,ao longo do muro que nos divide de outro país há várias portas com alguns guardas que apenas perguntam para onde deseja ir,quando irá voltar e se precisa de algum auxílio para chegar ao destino.Depois disso,descansando à beira mar,que nem mar é mais,a gente se pergunta o que é que foi fazer com aquele lugarzinho tão nosso,tão de todo mundo,tão de ninguém.Olha,mas não fica tão impressionado assim não,porque chances de mudar,tivemos aos montes,nos convidaram a morar em outro planeta,não quisemos,nos mostraram formas de proteger nosso planeta,não usamos(ou usamos muito pouco),nos pediram para não desistir de mudar,desistimos,e hoje,assim como ontem,mal se nota o arrependimento.Talvez porque estão todos vivendo suas vidinhas monótonas,talvez porque é mais fácil colocar fones de ouvido e não ouvir ninguém gritando pedindo ajuda.
É fácil fechar os olhos,fizemos isso durante tanto tempo que nos acostumamos a essa perda constante como se fosse algo natural,mas não é.E nós,que antes defendíamos tudo,hoje somos só esboço,pintando um quadro cada vez mais cheio como se isso fosse preencher nosso vazio,mas não vai.Esperamos o dia em que alguém resolva nossos problemas e façamos tudo de novo,porque esse ciclo parece nunca terminar,mas esse dia não chega.
E as árvores cortadas não crescem,os rios secos não enchem,as flores arrancadas não florescem mais,esse é o futuro que vemos repetir em nosso presente.Essa é a vida que vivemos sem entender,que deixamos de viver realmente,para apenas existir,e essa existência vazia inunda o peito e não quer sair.
Vidas tristes,vazias,que logo se mudam,e vão e voltam,mas nunca se resolvem.Esse futuro,tão inseguro,só vai existir se a gente continuar como está,porque nosso amanhã é baseado nos hoje que estamos vivendo,então podemos mudar esse futuro que vos descrevo,mas é preciso força para mudar e é preciso ser forte para ser diferente.

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Verdade. Hoje você vê tantas matérias que mostram que não temos tanto tempo assim para mudar. Fico preocupada com esse mundo. Esse mundo em que a minha filha acabou de entrar.
    Tenho tanto medo que fica difícil explicar.

    http://www.bloghaironfire.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Jenny,penso muito sobre isso também,o legado que estamos deixando para nossos filhos,quanto tempo vai demorar e se eles vão dar conta,assusta mesmo,mas se ninguém mudar é assim que vai ser,infelizmente.
      Obrigada por comentar :)
      Beijos ^.^

      Excluir
  2. Ás vezes ficamos tão presos no que vai acontecer lá na frente que nem percebemos que não estamos vivendo o hoje e que isso irá interferir no que vai acontecer no futuro.
    Uma ótima reflexão Jenny. ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Cami,e aí o hoje vira ontem e nada foi feito :/
      Obrigada minha linda ♥
      Beijos enormes ^.^

      Excluir

Obrigada por ter lido a postagem
Conte-me o que achou *--*
Deixe seu link nos comentários para que eu possa retribuir a visita <3
Se preferir para deixar seu link use
Esse código para comentar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger
Edição e Design: Jennyfer Aguillar || Todos os direitos reservados © 2016