22 de fevereiro de 2016

Palavras

| |

Palavras,eu que sempre fui cheia delas,hoje fiquei sem nenhuma.O que faz alguém perder o ar,a fala,os sentidos?O que me faz não mais raciocinar?As palavras secaram na fonte que eu pensava ser inesgotável,e perderam-se no meio do nada.
E um olá,um adeus,são somente palavras que significam muito;como tantas outras que fazem o coração acalmar ou acelerar.
Palavras que se juntam aos gestos,que de pequenos tornam-se logo grandes lembranças,são marcas como cicatrizes,só que valem muito mais.
Eu,que tantas vezes vivi de palavras,hoje recolho os silêncios que ecoam por todos os lados,eu,que já me envolvi de maneirismo e gírias,ontem mesmo apaguei alguns vocabulários do peito para ter mais espaço.E porque tudo isso me aflige?Talvez seja porque eu nunca tenha perdido a fala antes,e porque de todos os motivos do mundo,eu não acho um que corresponda a essa falta,que a faça de fato existir como existe agora.
Acredito que as palavras me preenchem como respostas às lacunas que eu agrego aqui em mim,e ficar sem elas vai quebrando as estruturas e abrindo caminho para as dúvidas,como se eu sentasse e assistisse sem nada poder fazer,tão vulnerável pelas palavras que eu outrora dominava tanto.
Palavras,palavras,penso que falando delas eu consiga novamente me conectar,só que não é tão simples assim,é preciso paciência,pois palavras são sentimentais,confusas e me arrisco a dizer,meio impossíveis,mas eu gosto de coisas impossíveis e por isso amo as palavras.
Palavras engrandecem minha alma,até fazem sonhar,simples palavras,tão pequenas,tão grandes,tão minhas.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por ter lido a postagem
Conte-me o que achou *--*
Deixe seu link nos comentários para que eu possa retribuir a visita <3
Se preferir para deixar seu link use
Esse código para comentar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger
Edição e Design: Jennyfer Aguillar || Todos os direitos reservados © 2016